image Investir no marketing em tempos de crise? image A Importância da Comunicação Integrada de Marketing

Entre em contato

Enviar Mensagem

O valor da integração contínua 2/4

Integração Contínua

No ultimo post vimos como a utilização de práticas da integração contínua pode reduzir os riscos do desenvolvimento de uma aplicação. Continuando esta série sobre o valor do CI iremos ver como sua utilização nos ajuda a reduzir os processos repetitivos e nos garante um software sempre pronto para o deploy.

Integração contínua reduz processos repetitivos

Reduzir processos que sejam repetitivos, em todas as áreas de um projeto, como compilação de código, integração do banco de dados, testes, inspeções, deploy e feedback. Automatizando seus processos através do uso do CI, é adquirido uma maior habilidade em certificar que:

  1. Os processos serão executados sempre da mesma forma.
  2. Os processos serão sequenciais. Por exemplo, você pode executar suas inspeções (análise estáticas) antes que você execute seus testes.
  3. Os processos irão ser executados cada vez que um novo commit é apresentado ao controlador de versões.

Isto facilita:

  1. Redução do trabalho manual em processos repetitivos, liberando os contribuidores para executar trabalhos de maior valor.
  2. Capacidade de superar resistência (por parte de outros membros do time) para implementar melhorias ao utilizar mecanismos automatizados para processos importantes como testes e integrações ao banco de dados.

Integração contínua gera software consistente para deploy

Permitindo que você gera uma versão pronta para o deploy a qualquer hora, é por um lado, o beneficio mais óbvio de utilizar a integração contínua. Poderíamos falar horas e horas sobre o aumento na qualidade e riscos reduzidos mas ter uma aplicação sempre pronta para ir ao ar é o beneficio mais tangível aos clientes e usuários. A importância disto não pode ser sobrestimada. Com o CI, você pode realizar pequenas mudanças com frequência e integrar estas alterações com o resto do código regularmente.

Se existirem problemas, os membros do projeto serão informados e as correções serão aplicadas ao projeto imediatamente. Projetos que não adotam desta prática correm o risco de esperar até a entrega da solução para integrar e testar o software. Isto pode gerar um atraso, atrasar ou prevenir a correção de certos defeitos, causar novos defeitos enquanto você corre para concluir as correções e pode, em ultima instância, decretar o fim do projeto.

No próximo artigo, veremos como a utilização do CI melhora a visibilidade do projeto e estabelece uma maior confiança na qualidade do produto sendo desenvolvido. Até lá!

elison.campos@zaez.net'

About Elison de Campos

Analista de projetos e desenvolvedor fullstack na Zaez, com foco em Ruby on Rails e AngularJS é entusiasta em práticas de desenvolvimento Agile e nas horas vagas jogador assíduo de Magic: The Gathering.
Mensagens relacionadas
  • Tudo
  • Por Autor
  • Por Categoria
  • Por Tag

Warning: call_user_func_array() expects parameter 1 to be a valid callback, function 'addcopy' not found or invalid function name in /home/zaez/public_html/wp-includes/plugin.php on line 503